segunda-feira, 16 de julho de 2012

Rua Venâncio Aires


Caminho na rua da tua casa com o meu coração pulsando nos tímpanos e as pernas bambas. Eu sempre idiota, esperando te ver, mesmo sabendo que isso não mudará nossos destinos. Só por gostar de te ver, mesmo que ao longe, por puro capricho. Apenas para saciar o desejo dos meus olhos já desacostumados a se inundarem com tua imagem e aquietar meu coração teimoso.  

Nenhum comentário: